Como é que os alimentos congelados podem ajudar o planeta

Como é que os alimentos congelados podem ajudar o planeta

Os alimentos congelados podem reduzir o desperdício alimentar

Sabia que 1/3 de todos os alimentos são desperdiçados*? E que uma das melhores formas de reduzir o desperdício alimentar é congelar os alimentos? Os alimentos congelados podem fazer uma grande diferença.

Os alimentos congelados podem ajudar a reduzir o desperdício durante a pesca ou exploração agrícola, no transporte, e até mesmo durante a preparação de refeições em nossas casas. Os alimentos congelados também levam à produção de menos resíduos domésticos. Ficam frescos durante mais tempo, não precisam de ser cortados e preparados e pode usar apenas a quantidade que precisa. 

*Estatística de 1/3 de desperdício: Um estudo sobre desperdício alimentar realizado em 27 países da UE, relatório do serviço de bio-inteligência para a Comissão Europeia, Relatório Técnico - 2010 – 054.

Alimentos práticos e de elevada qualidade durante todo o ano  

O peixe e os vegetais congelados permanecem frescos e saborosos no congelador, permitindo-lhe usufruir de produtos de elevada qualidade, em qualquer estação do ano. Os alimentos congelados são fáceis de preparar e de separar em doses, sendo a solução perfeita para estilos de vida modernos e ativos.

Sabia que o peixe que é vendido como sendo fresco pode ter mais de 2 semanas, dependendo da cadeia de distribuição e do prazo de validade específico de cada espécie? O nosso peixe e marisco é apanhado quando está no auge da qualidade e é ultracongelado.  Por isso, qual pensa que é mais fresco? 

Tão nutritivo como fresco 

Nem toda a gente sabe que os alimentos congelados podem ser tão nutritivos como os alimentos frescos. 

Com a ultracongelação - congelação rápida a baixas temperaturas - preservamos intactas todas as propriedades dos alimentos. Ultracongelados, os alimentos mantêm-se naturalmente mais frescos durante mais tempo e não é preciso adicionar conservantes. 

Os produtos frescos vão perdendo as suas vitaminas, durante o armazenamento, ao longo do tempo, enquanto os congelados conservam as suas vitaminas e minerais. Isto significa que os legumes congelados podem reter mais eficazmente as vitaminas ao longo do tempo. O sabor e a textura não são afetados pelo processo de congelamento, portanto só existem vantagens. 

Importa realçar que os vegetais congelados também podem contar para o consumo de 5 porções por dia, tanto quanto os legumes frescos – fazendo com que seja ainda mais fácil fazer uma alimentação saudável.

Para saber mais, clique aqui

Um transporte mais lento significa menos emissões 

Depois das épocas de colheitas, efetuamos a ultracongelação dos nossos produtos permitindo-nos utilizar métodos de transporte que geram menos emissões de carbono. Usamos navios de carga em vez de transporte aéreo, método que é mais amigo do ambiente.