Trabalhar para minimizar as alterações climáticas

Trabalhar para minimizar as alterações climáticas

O aquecimento global constitui uma ameaça real para os oceanos e terrenos agrícolas, uma vez que limita o acesso a matérias-primas sustentáveis de elevada qualidade.  A agricultura é, atualmente, um dos maiores geradores de emissões de CO2 a nível global, razão pela qual defendemos, há várias décadas, métodos de cultivo e produção sustentáveis.  Escolhemos focarmo-nos no sector do pescado e dos vegetais, uma vez que são áreas onde podemos fazer realmente a diferença. 

Uma população em crescimento significa que precisamos pensar continuamente em como produzir alimentos nutritivos de forma sustentável. Todos os anos, mais de 1,3 mil milhões de toneladas de comida acabam no lixo, em grande parte provenientes de resíduos domésticos. Os alimentos congelados são uma solução viável para reduzir o desperdício alimentar, já que o desperdício deste tipo de alimentos é 5 a 6 vezes inferior ao dos alimentos frescos*.

*Martindale, W, (2014) "Using consumer surveys to determine food sustainability", British Food Journal, Vol. 116 Edição: 7, pp.1194-1204, doi: 10.1108/BFJ-09-2013-0242.

A procura global por peixe e marisco continua a aumentar, mas a pesca exaustiva e práticas destrutivas fizeram com que o stock de peixe mundial ficasse ameaçado. Este aspeto, juntamente com as alterações climáticas e a poluição marítima, colocam os nossos oceanos sob enorme pressão, o que representa um risco real para a vida marinha e para a reserva de peixe e marisco.

Fazer parte de um plano conjunto alargado 

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) das Nações Unidas foram criados para resolver problemas globais no que diz respeito à sustentabilidade. As nossas metas de sustentabilidade estão em conformidade com os seguintes ODS: 2, 6, 7, 8, 12, 14 e 15. 

Junte-se a nós para reduzir o impacto ambiental coletivo 

Consumir mais alimentos de origem vegetal, assim como peixe proveniente de fontes sustentáveis, é melhor para o ambiente. É por isso que investimos continuamente no desenvolvimento e na expansão das nossas gamas de peixe, vegetais, refeições vegetarianas e de produtos sem carne. 

Aqui pode encontrar algumas dicas para promover a sua saúde e a saúde do planeta:

  • Opte por uma alimentação variada
  • Consuma mais alimentos de origem vegetal, incluindo vegetais
  • Consuma mais peixe e marisco, mas certifique-se de que são provenientes de fontes sustentáveis 
  • Coma menos alimentos com elevado teor de gordura, açúcar ou sal (por ex., batatas fritas de pacote, doces, refrigerantes) - leia sempre o rótulo. 
  • Escolha gorduras e óleos mais saudáveis, como o azeite, o óleo de girassol e o óleo de colza
  • Compre apenas aquilo de que precisa e prepare apenas a quantidade que pretende comer
  • Sempre que possível, reutilize as embalagens antes de as reciclar